A FALSA ONDA

Em agosto de 1999, nas praias do Algarve , foi dada ordem de evacuação . Na linha do horizonte se via uma massa escura junto ao oceano. Relatos de aviões comerciais e de embarcações falavam de uma onda gigante que se dirigia para a costa. Uma miragem coletiva provocada pelo efeito de fata morgana alardeou milhares de pessoas , o pânico foi agravado pelas rádios que a estilo Orson Wells propagaram a noticia do caos.
Fatamorgana é uma formação de miragem superior, onde pode fazer com que objetos, como navios e até mesmo cidades, pareçam flutuar no ar. Ocorre normalmente devido a uma inversão térmica fazendo com que objetos se formem no horizonte.

O Jornal o Publico publicou o seguinte texto na época:

“Nunca os veraneantes algarvios tinham assistido a um Agosto com tantas surpresas na praia. Há quinze dias, uma invasão de algas coloriu a água de vermelho, na passada segunda-feira uma descarga de esgotos provocou uma espécie de maré negra no extremo do Sotavento, e, ontem à tarde, milhares de banhistas tiveram que conviver, durante umas horas, com a ameaça de uma “onda gigante” que iria varrer as praias do Barlavento. Afinal, a “onda” não passou de uma miragem que se desfez mais rapidamente que uma nuvem de fumo e cuja origem ninguém soube explicar.”

http://www.publico.pt/local-lisboa/jornal/ondamiragem-assusta-banhistas-122674

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s